Jan Hardy - O soldado amaldiçoado agora em português

Jan Hardy - O soldado amaldiçoado agora em português
Jan Hardy - O soldado amaldiçoado agora em português

    Somente um povo como o polonês poderia criar uma história como Jan Hardy.  Conheça os Hardy-heroes, os poloneses que lutaram pela liberdade contra os invasores russos, numa batalha que envolve pessoas com poderes sobre-humanos.

Espremida entre o exército alemão e o soviético na Segunda Guerra Mundial, lutando a cada centímetro por sua soberania e sua liberdade, a Polônia precisou arraigar seu sentimento de identidade e patriotismo.


    Situada na Segunda Guerra, mas com uma fluidez que só a ficção permite, esta obra presta uma homenagem aos soldados poloneses que lutaram duramente contra os invasores soviéticos. Em 1945, o mundo celebra o fim da Guerra... mas não a Polônia.
    Agora os poloneses precisam se livrar dos invasores russos e da tirania comunista. Uma luta pela liberdade onde pessoas com poderes sobre-humanos irão participar. Essas pessoas são chamadas de Hardy-heroes.

Conheça os Hardy-heroes, os poloneses que lutaram pela liberdade contra os invasores russos, numa batalha que envolve pessoas com poderes sobre-humanos.

    E tem de tudo neste tributo épico: teletransporte, superpoderes, tanques, robôs, espiões. Mas, antes de tudo, é o profundo amor à pátria que vai te contagiar a cada página.


    Esta é a primeira edição de uma saga com 6 episódios, onde o protagonista Jan Hardy demonstra os valores de onde extrai seus superpoderes: Deus, Honra e PÁTRIA.

Ficha Técnica:

ISBN: 9786500249750
Editora: Super Prumo
Dimensões: 17.00 x 26.00 cm
Idioma: Português
Páginas: 32

A verdadeira história por trás do bigodão do Henry Cavill em Liga da Justiça de 2.017

A verdadeira história por trás do bigodão do Hennry Cavill
A verdadeira história por trás do bigodão do Henry Cavill

    Todo mundo tira um barato com a cara Henry Cavill por causa do seu bigode no melhor estilo Village people durante as gravações de Liga da Justiça de 2017. Mas ninguém parou para escutar a opinião cara e porque de todo esse bigodão mexicano. Bom, resolvi explicar então para vocês agora que o bigode, quer dizer, a poeira abaixou... (bom, acredito eu né, porque ainda tem muito bigode ali para a zoeira).

Henry Cavill e seu bigodão a la Leôncio nas gravações de Liga da Justiça de 2017.
Henry Cavill e seu bigodão a la Leôncio nas gravações de Liga da Justiça de 2017.

    
Para quem não sabe, o Fred Mercury, quer dizer, o Henry Cavill já foi dado como o ator mais fracassado de Hollywood depois que perdeu os papeis de Superman para Brandon Routh, batman para o Christian Bale (que é um Batman que eu não gostei) e James Bond para Daniel Craig (o boca murcha). É... O cara é danado para atrair desgraça.

    Depois do fracasso do filme Superman Returns, os caras resolveram dar uma chance para o Leôncio e lhe informaram:
Seguinte, você vai interpretar Superman. Seu personagem usa uniforme vermelho, azul e amarelo; usa capa, voa, solta rajada e é quase indestrutível. Para isso, você vai fazer uma dieta de 5 mil calorias e praticar exercícios.
    Ao invés de entender Superman, o cara entendeu Super Mario. A descrição atrapalhou mais ainda as ideias do cara e aí que mora o problema:
Usa uniforme azul, vermelho e amarelo; veste capa, voa quando pega a pena, solta rajada quando pega a flor e fica quase indestrutível quando pega a estrela... meu... Só pode ser o Mario. uma pancinha daquela precisaria de 5 mil calorias mesmo. Fora ficar correndo e soltando, é claro que eu vou precisar malhar.
Uniforme azul, vermelho e amarelo; capa; voa; solta fogo e semi-indestrutível.
Super Mário: Uniforme azul, vermelho e amarelo; capa; voa; solta fogo e semi-indestrutível.

    Certeza que cê tava jogando warcraft quando foi chamado? Ate mesmo Zachary Levi, quando estava filmando Shazam (que a Warner me presenteou com seu lançamento no dia do meu aniversário) zoou o bigodão avantajado do Henry aparecendo um dia nas gravações da mesma forma. Henry ainda tentou zoar também dizendo que Shazam possui poder de Zeus, a força de Hércules, a resistência de Atlas, a coragem de Aquiles e o bigode uma lenda. Quem é a lenda Henry? Só se a lenda for o Mario mesmo.

O poder de Zeus, a força de Hércules, a resistência de Atlas, a coragem de Aquiles e o bigode uma lenda.
O poder de Zeus, a força de Hércules, a resistência de Atlas, a coragem de Aquiles e o bigode uma lenda.
    E por essa razão Henry cavill fica fazendo essas caretas no filme, só para avacalhar a coisa. Quem sabe um dia hein Henry, pode ate conseguir o papel de sancho pança com um bigode horrível desse.

    Galera, foi tudo somente uma zoeira mesmo. Faz muito tempo que eu queria ter feito isso, mas não vamos perder a esperança, quem sabe um dia Henry Cavil interpreta o Mario.

O que o Brasil tem a oferecer a Assassin's Creed? TUDO!

Escritor de Assassin’s Creed Valhalla quer jogo ambientado no Brasil
O que o Brasil tem a oferecer para Assassin's Creed?

    No site Meu PlayStation foi publicado que Alain MerciecaEscritor de Assassin’s Creed Valhalla, quer um jogo da franquia ambientado no Brasil. E já sabendo a autoestima dos brasileiros, já deu para ver que essa noticia virou piada. O que quase ninguém conta é que o Brasil se torna um ótimo cenário para a franquia já que tanto Brasil quanto Portugal possuem ligações históricas com os templários. Isso é algo que me intriga pois os jogos já se passaram em Jerusalém, Itália, Espanha, Constantinopla, Estados Unidos, Inglaterra, França, voltaram para a Inglaterra, depois foram para o Egito, Grécia, para a terra dos Vikings e nada do Brasil. Já foram até para a Índia, China e Russia no Chronicles  e nada do Brasil até então.

    Pois é, geralmente conhecemos histórias difamadas do Brasil em que os portugueses estavam indo para a Índia e por acidente erraram o caminho e caíram aqui de gaiato, o Brasil foi fundado por prostitutas e ladrões, tanto a independência do Brasil quanto a abolição da escravatura foram feitas porque estavam na moda e que a família real foi embora do país pois viu que o país não ia dar em nada. Pois é, essas são as histórias que os professores nos contam...
Se você que estiver lendo este artigo for um dos professores de história que sempre nos contaram estas balelas, saiba que você é um bosta. Na verdade você não vale a bosta que você caga.
    Os Portugueses foram os mestres da arte de velejar e chegaram a ensinar as suas técnicas ao resto da Europa; eles descobriram grande parte da costa da Africa (se não toda), o Canadá, o Brasil (sim, o Brasil foi de fato descoberto como uma rota estratégica para chegar até Índia devido aos ventos serem favoráveis), a rota para a Índia, a Austrália, levaram arma de fogo para o Japão, venceram os islâmicos na batalha de Diu (uma das batalhas mais épicas da história que colocou Portugal no patamar de uma das maiores potencias mundiais da época) e muito mais. E tudo isso com a participação dos templários; o Brasil não teria sido descoberto sem o conhecimento deles.

    O que aconteceu foi que os templários haviam acumulado tanta riqueza que o rei Felipe IV da França  e o papa clemente V armaram um complô contra a ordem acusando-os de satanismo e assim passaram a partir de 1307 a persegui-los por toda a Europa. Os templários também foram vítimas da inquisição; tanto é que jacques de molay, ultimo grão-mestre da ordem dos templários, foi queimado vivo em 1314.

Neste local, Jacques de Molay, último Grão-Mestre da Ordem dos Templários, foi queimado, em 18 de março de 1314. (Ilha da Cidade, em Paris)
Neste local, Jacques de Molay, último Grão-Mestre da Ordem dos Templários, foi queimado, em 18 de março de 1314. (Ilha da Cidade, em Paris)

    Um ponto interessante é que enquanto Jacques de Molay estava queimando, ele gritou em direção ao rei e ao papa:
“Todos vocês serão amaldiçoados até a 13ª geração”.
    Detalhe, o papa Clemente V morreu quarenta e dois dias depois (no dia 20 de abril de 1314), o rei Filipe IV teve um derrame cerebral fulminante em novembro daquele ano (seis meses depois da morte do mestre templário), os três filhos do rei também vieram a falecer e assim encerrou a linhagem direta de três séculos da Dinastia Capetíngia

    Um dos únicos lugares na Europa que acolhia os templários era Portugal. Então a partir de 1312 os últimos cavaleiros da ordem se refugiaram no país (alguns se refugiaram na ilha de Chipre, França, Inglaterra e alguns conseguiram voltar a sua terra natal) e a partir de 1319, sob comando de Dom Dinis, os templários formaram a Ordem de Cruz e Cristo e foram responsáveis pelas grandes navegações que mencionei. Por esse motivo é que vemos a cruz oficial dos templários (cruz vermelha com o centro branco) nas caravelas que chegaram à terra de Santa Cruz (nome dado ao Brasil na época).

Nau-Flor-de-la-Mar-modified
Nau Flor do Mar

    Também vemos esta mesma cruz na bandeira da cidade de São Paulo, em outras cidades brasileiras e portuguesas e como ordem honorífica. Sim, sob assistência e técnicas da ordem dos Templários o Brasil foi descoberto.

    A Ubisoft pularam por vários países mas o Brasil tem exatamente tudo para ter vinculo com a franquia. O fim da ordem dos Templários ocorrido no inicio o século XIV gera também um certo conflito em Assassin's creed 2 e Assassin's Creed Brotherhood. Como o papa Rodrigo Bórgia se tornou líder da ordem dos templários nos dois jogos sendo que ambos se passam entre 1476 à 1499? O primeiro mencionado se inicia 164 após a extinção dos Templários... Que brecha hein, Ubisoft...